Como aplicar a sustentabilidade na escola

Como aplicar sustentabilidade na escola: 5 boas práticas para despertar a consciência e responsabilidade ambiental

A sustentabilidade ambiental é um tema que precisa fazer parte das pautas escolares.

É de extrema importância que as instituições de ensino conscientizem os alunos, pais e professores sobre o papel de cada um no que se refere à preservação do meio ambiente.

Mas essa discussão sobre cuidar do planeta, sobre “pensar global e agir local” não pode ficar apenas no campo da retórica; é preciso colocar em prática. Mas como criar um plano de ação com esse objetivo?

Pensando nisso, elaboramos este conteúdo com estas 5 dicas valiosas de como aplicar sustentabilidade na escola:

  1. Criação de um sistema de coleta seletiva
  2. Desenvolvimento de um programa para plantio de árvores
  3. Implementação de práticas para economia de água e energia elétrica
  4. Incentivo às caronas solidárias
  5. Substituição do papel pelo digital

Continue a leitura e confira nas próximas linhas que boas práticas você pode implementar na sua instituição de ensino e incentivar o comportamento de responsabilidade ambiental com o público interno e com a comunidade.

Veja também: Dicas para uma escola sustentável: as boas práticas que toda instituição de ensino precisa implementar

5 dicas de como aplicar a sustentabilidade na escola

1 – Criação de um sistema de coleta seletiva

Quando falamos em sustentabilidade ambiental, uma das primeiras ideias que costumam vir à mente é a reciclagem.

A reciclagem, basicamente, é o processo de transformar materiais já utilizados em um novo produto, evitando que eles sejam descartados. Dentre os principais tipos de materiais recicláveis, podemos citar o papel, o vidro, o plástico e o metal.

No entanto, para reintroduzir esses materiais no ciclo de produção e transformá-los em novos produtos, é necessário adotar um sistema de coleta seletiva.

Esse sistema consiste em separar os diferentes tipos de materiais no momento de descarte. Uma maneira bem comum de fazer isso é por meio das lixeiras diferenciadas, nas quais cada cor representa um material.

Ao implementar essas lixeiras em pontos estratégicos da escola e no entorno da comunidade, evita-se que esse material reciclável seja descartado no meio ambiente. Além disso, essa prática contribui para o trabalho dos catadores de materiais recicláveis.

2 – Desenvolvimento de um programa para plantio de árvores

As árvores são responsáveis por inúmeros benefícios, dentre eles a manutenção da qualidade do ar que respiramos e a regulação da temperatura.

Nesta dica de como aplicar a sustentabilidade na escola, que tal criar um programa de plantio de árvores?

Convide os alunos para plantar árvores dentro da escola e nas ruas ao redor da instituição, incentivando a comunidade a participar também.

Ao fazer isso, os alunos poderão entender a importância de se preservar as árvores e evitar o desmatamento.

3 – Implementação de práticas para economia de água e energia elétrica

Sustentabilidade ambiental também passa pela economia de água e de energia elétrica. Nesse sentido, há uma série de medidas que podem ser implementadas na sua escola.

É possível, por exemplo, instalar descargas com válvulas que regulam a quantidade de água no vaso sanitário. A escola pode também fazer a instalação de torneiras automáticas, que desligam sozinhas após um tempo determinado.

No que se refere à economia de energia elétrica, dá para instalar sensores de presença em espaços específicos, como nos banheiros e laboratórios.

As placas fotovoltaicas também são uma alternativa sustentável. Elas convertem a energia solar em eletricidade.

Você pode também fazer campanhas para incentivar o consumo consciente entre alunos e professores

4 – Incentivo às caronas solidárias

A poluição do ar é um dos maiores problemas enfrentados nos grandes centros urbanos. E a principal causa disso é a proliferação de automóveis.

Não é incomum encontrar carros trafegando com uma ou duas pessoas, sendo que a capacidade de cada automóvel geralmente é de 5 passageiros.

Tendo isso em vista, uma prática sustentável que a sua escola pode implementar é o incentivo à carona solidária entre alunos.

Estudantes que moram perto um do outro ou que estão na mesma rota para a escola podem compartilhar o mesmo carro.

Assim, além de evitar congestionamentos nos horários de entrada e de saída, essa prática ajuda a reduzir a emissão de poluentes no ar.

Obviamente, a carona solidária também pode ser feita entre os professores da instituição de ensino.

5 – Substituição do papel pelo digital

Por fim, encerrando as nossas dicas de como aplicar a sustentabilidade na escola, procure substituir ao máximo o papel pela versão digitalizada.

A matéria-prima do papel é a celulose. Esta, por sua vez, vem das árvores. Portanto, o uso de papel estimula o desmatamento.

Sendo assim, busque digitalizar tudo o que for possível: documentos, banco de dados, murais de avisos, recados, boletins, provas, agendas, trabalhos acadêmicos etc.

Confira esta interessante iniciativa da Claro de sustentabilidade nas escolas:

Essas foram as nossas 5 dicas de como aplicar a sustentabilidade na escola. Bora colocá-las em prática?

Este post também pode interessar a você: 7 dicas para uma boa gestão escolar: como gerenciar uma instituição de ensino com maior eficiência e qualidade

A Safetec é uma consultoria para implantação da tecnologia de computação em nuvem. Por meio da Safetec Educação já implementou o melhor da transformação digital em diversas instituições de ensino, com grande sucesso.

Destaque você também sua organização educacional como um pólo transformador do ensino.

Veja o exemplo do Colégio Damas e se inspire para fazer isso em sua escola das tecnologias de ponto Google Educação:

Compartilhe com seus amigos!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Fale Conosco





    Últimas Postagens

    R$ 00

    Somente no mês
    do professor

    Curso Online

    Google for Education

    Aprenda a engajar o aluno e melhorar
    a retenção do conhecimento com
    as ferramentas do Google.

    Treinamento realizado por especialistas certificados