como-fazer-aulas-interativas

Como fazer aulas interativas? Aprenda a integrar seus alunos

Todo professor se esforça e busca novas maneiras de como fazer aulas interativas. A interação dos alunos é essencial para que o aprendizado seja reforçado e exista uma conexão com o educador.

Existem várias ferramentas para professores disponíveis online que ajudam a enriquecer e engajar os alunos com os temas das aulas.

Em paralelo com as ferramentas, o professor também precisa pensar em seus planos de aula de maneira diferente, focando na interatividade.

A pandemia transformou a realidade das escolas e, com isso, o incentivo à participação dos alunos ficou ainda mais importante.

Neste post, reunimos algumas dicas práticas de como fazer aulas interativas e manter o vínculo aluno-professor seja na aula presencial ou online.

Continue a leitura e confira!

6 formas de fazer aulas mais interativas 

As sugestões abaixo são ótimas estratégias para trabalhar a interação aluno-professor e fortalecer o contato entre ambos.

Com uma ajudinha das novas tecnologias na educação, esse trabalho ganha pontos extras, já que vivemos uma era digital bastante rica de possibilidades.

Conheça cada um dos métodos que você pode incluir na sala de aula para fazer os alunos participarem mais.

1. Adote o método de sala de aula invertida

Para entender o conceito de sala de aula invertida, precisamos relembrar como funciona uma sala de aula tradicional.

No modelo tradicional, o professor explica a matéria e os alunos acompanham, tiram dúvidas e fazem perguntas com base no conteúdo ouvido. Uma dinâmica que funciona presencial e online.

Já na sala de aula invertida, o plano de aula tem um novo ponto de partida: os alunos.

Na hora de fazer um plano de aula EAD para sala de aula invertida, o professor começa pesquisando os materiais que vão servir de base para os alunos.

Depois, eles recebem essas orientações pré-aula para que pesquisem e entendam sobre o tema e se preparem.

Quando a turma se reúne na aula, são os alunos que começam a falar, explicando o que entenderam, suas opiniões, dúvidas, etc.

O professor atua como um mediador, interligando os pensamentos dos alunos e fazendo com que eles interajam entre si e com ele.

É um modelo muito produtivo, mas também bastante trabalhoso. Por isso, alguns professores, escolhem adotá-lo em momentos pontuais, intercalando com outros métodos para fazer mais aulas interativas. 

2. Inclua atividade durante as aulas

Outro forma de praticar como fazer aulas interativas é incluir atividades durante as aulas.

Manter o foco dos alunos na explicação fica mais difícil à medida que a aula se prolonga e eles apenas ouvem. Um cenário comum, especialmente, nas aulas online

Então, para fazer com que eles participem ativamente do aprendizado, inclua atividades como testes rápidos para testar o conhecimento sobre o que foi explicado.

Pode ser um formulário de múltipla escolha com um tempo X para ser finalizado ou apenas uma pergunta que deve ser respondida com um bom argumento.

Depois, você pode escolher alguns alunos para opinarem sobre o tema e assim incentivar a participação do restante da turma.

Leia também: Como criar provas no Google Forms: passo a passo.

3. Use jogos eletrônicos educativos

Os jogos eletrônicos na educação são grandes aliados na hora de fazer aulas interativas. Tanto para os alunos da educação infantil quanto para os mais velhos.

Para facilitar a interação, o professor pode compartilhar sua tela durante a aula ao vivo e convocar aluno por aluno para ajudar nas tarefas do jogo.

Dê preferência a jogos que seguem etapas para que todos consigam participar. Essa dinâmica também facilita caso o aluno tenha apenas um computador ou celular em casa, o que limita que ele faça o jogo junto com o professor.

Depois, o aluno pode receber o link para baixar o jogo e treinar o exercício depois da aula para ter uma experiência mais ativa.

4. Organize competições em equipe

Montar competições em equipe também é outra forma simples de como fazer aulas interativas.

A dinâmica online precisa de um pouco mais de controle para dar certo, mas o método é igualmente eficiente como quando é feito presencial.

Divida a turma em pequenos grupos e passe as atividades em grupo. Os alunos podem se reunir para fazer o exercícios online e montar uma apresentação.

A ferramenta Apresentações‘ do Google permite que um mesmo arquivo seja acessado simultaneamente por vários usuários para que as edições possam ser feitas em tempo real. 

Na próxima aula, o líder de cada equipe faz a apresentação e mostra os resultados alcançados. 

O professor, então, dá o feedback para a turma e explica se eles chegaram no objetivo ou não, o que faltou, o que foi bem compreendido, etc.

5. Crie grupos de discussão

Os grupos de discussão também são estratégias excelentes para fazer aulas mais interativas.

O professor precisa escolher um canal que pode ser um grupo no WhatsApp ou Telegram, um perfil no Twitter ou uma comunidade no Discord.

A ideia é propor discussões baseadas nos temas das aulas, a partir de uma pergunta, por exemplo. Dessa forma, o professor determina as regras como, por exemplo, que os alunos embasem sua opinião em algum argumento, pesquisa, etc.

A ideia é estimulá-los a pesquisar mais a fundo o tema e trabalhar seus pontos de vista.

Para finalizar, a discussão pode ir para a sala de aula com o professor destacando os melhores argumentos e fazendo a troca ao vivo.

Essa dinâmica pode acontecer semanalmente ou de 15 em 15 dias para que os alunos tenham tempo de fazer suas pesquisas.

6. Complemente as aulas com vídeo

Provavelmente, seus alunos têm um youtuber favorito e amam assistir aos vídeos dele online, certo?

Esse comportamento é estratégico para fazer aulas interativas, pois o formato de conteúdo em vídeo pode ser usado facilmente em aulas online ou presenciais.

Vai falar de algum período histórico? Procure vídeos de pessoas que visitaram a região atualmente e gravaram vlogs.

Assim, depois de contextualizar, o vídeo pode ser assistido e debatido para falar sobre o que o lugar significa, sua importância, etc.

Gostou das dicas para fazer aulas interativas?

Outra forma de melhorar a interação aluno-professor é usando ferramentas robustas e eficientes como as ferramentas do Google para educação.

Implementando o Google Workspace for Education na sua gestão escolar, a comunicação entre toda equipe e com os alunos será muito mais eficiente.

Quer saber mais sobre essa inovação?

A Safetec Educação te ajuda a levar essa inovação para sua escola. Entre em contato com a nossa equipe e saiba como podemos te ajudar a alinhar a tecnologia com seu método de ensino.

Compartilhe com seus amigos!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Fale Conosco





    Últimas Postagens

    R$ 00

    Somente no mês
    do professor

    Curso Online

    Google for Education

    Aprenda a engajar o aluno e melhorar
    a retenção do conhecimento com
    as ferramentas do Google.

    Treinamento realizado por especialistas certificados