o-que-e-lms

O que é LMS? Entenda para que serve o software

LMS é a sigla em inglês para Learning Management System que em português é traduzido como Sistema de Gestão de Aprendizagem.

Outros nomes sinônimos de LMS são Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) e plataforma de ensino a distância (EAD).

Escolas, instituições de ensino superior, provedores de cursos online utilizam softwares de LMS para organizar o aprendizado de maneira digital.

Ter uma ferramenta direcionada para isso permite criar, gerenciar, organizar e fornecer conteúdo de qualidade para os alunos.

Quer entender melhor o que é LMS, quais são os principais recursos e vantagens de um software desse tipo?

Continue a leitura deste artigo e saiba tudo sobre o tema.

O que é LMS?

LMS significa Learning Management System, em português, Sistema de Gestão de Aprendizagem.

É um tipo de software que auxilia na criação, gestão, organização e acesso a cursos e treinamentos online, seja de escolas, universidades públicas e particulares e provedores terceiros de diferentes áreas.

Quando você entra em um curso de graduação a distância, por exemplo, vai ter contato com a plataforma de LMS utilizada pela instituição. Por meio dela você terá acesso:

  • as videoaulas; 
  • materiais extras;
  • poderá falar com o professor; 
  • enviar trabalhos;
  • ver suas notas; 
  • conferir a gestão de presença, etc.

.

No LMS, a interface do usuário e do administrador são diferentes. A de usuário é acessível para os alunos e a de administrador para os professores e técnicos de TI,que podem fazer a inclusão de informações e manutenção do sistema.

Quais são os tipos de LMS?

Existem dois tipos principais de LMS. São eles:

LMS baseado na nuvem

O sistema de LMS na nuvem é hospedado em um servidor remoto que é otimizado pela empresa fornecedora para funcionar de forma ininterrupta. 

Além disso, é a empresa que cuida para que o LMS tenha um sistema rápido, por incluir novos recursos e corrigir possíveis erros.

O acesso ao LMS na nuvem é por meio de um login e senha utilizando um navegador web. Não é necessário fazer download ou instalação do programa no computador. 

LMS em servidor próprio

Já o LMS em servidor próprio, quer dizer que é a própria instituição que hospeda em seu servidor o sistema de aprendizagem.

O investimento nesse caso é mais alto, pois é preciso criar uma estrutura robusta que forneça um sistema de qualidade para os usuários. 

Além disso, é fundamental ter um técnico de tecnologia da informação e um desenvolvedor disponíveis para fazer atualizações e corrigir bugs. 

Principais recursos de um LMS

recursos-lms

Agora vamos conhecer os recursos práticos de um software de LMS que são essenciais. Antes de contratar uma ferramenta, confira se ela oferece os seguintes detalhes:

Organização do conteúdo

Uma plataforma de LMS permite criar toda a grade de conteúdo de um curso de graduação até um treinamento online mais simples do zero.

É uma tarefa complexa que vai precisar do apoio de um desenvolvedor ou técnico de TI para estruturá-la no sistema.

Biblioteca de materiais

Outra função do LMS é fazer o armazenamento dos materiais complementares dos cursos.

Dessa forma, o aluno pode acessar a categoria que procura e conferir os materiais existentes ou pesquisar por algo em específico.

Essa estrutura é importante já que o ensino é remoto e o aluno precisa de fontes ricas para estudar.

Fóruns

Os fóruns também são recursos interativos bastante úteis em um sistema de LMS. Nesses espaços, os alunos podem criar tópicos de discussão e fazer trocas de ideias e de materiais.

Os professores conseguem acompanhar e participar para orientar o aprendizado e tirar dúvidas.

Recursos de gamificação

Associar o aprendizado a uma conquista é uma estratégia que funciona desde a educação infantil até o ensino superior.

Por isso, recursos de gamificação como medalha ou pontuação vêm sendo implementados pelos provedores de LMS.

Esse recurso é muito útil na parte de acompanhamento das etapas do curso, monitoramento de faltas e presença, interação no fórum e etc. Medalhas, barras de progresso são algumas formas de incentivar os alunos.

Videoaulas

Nos sistemas de LMS podem ser transmitidas aulas ao vivo e também disponibilizadas aulas pré-gravadas.

As aulas ao vivo possuem uma frequência específica, de acordo com o curso. Já as aulas gravadas podem ser assistidas quantas vezes o alunos achar necessário.

Vantagens de usar um LMS

A chegada do LMS mudou o cenário da educação e do aprendizado, permitindo que mais pessoas tenham acesso a treinamentos e cursos de qualidade. Outras vantagens são:

  • é acessível de qualquer lugar e tipo de dispositivo;
  • cada aluno pode aprender no seu próprio ritmo;
  • contribui para aumentar a retenção de alunos;
  • permite atualização rápida dos conteúdo;
  • é fácil acompanhar o progresso de cada aluno;
  • faz a avaliação automatizada dos alunos e gera relatórios;
  • reduz os custos de desenvolvimento.

Google Classroom e LMS: qual a diferença?

O Google Classroom é um Ambiente Virtual de Aprendizagem que tem os mesmos recursos de um software LMS.

A vantagem que o Classroom oferece é uma integração melhor desses recursos, já que outras ferramentas do Google estão vinculadas a ele como: 

  • Meet;
  • Documentos;
  • Formulários;
  • Planilhas;
  • Agenda, entre outros.

.

Além disso, ele é gratuito e dá acesso a ferramentas essenciais de criação, armazenamento e comunicação.

Leia um comparativo das duas soluções no artigo: Google Classroom vs. LMS: qual a melhor solução para a gestão de ensino e aprendizagem a distância?

A Safetec Educação te ajuda a levar mais inovação para sua escola. Entre em contato com a nossa equipe e saiba como podemos te ajudar a alinhar a tecnologia com seu método de ensino.

Compartilhe com seus amigos!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn